Programa Paz e Bem

Deixe um comentário

Ouça aqui o programa Paz e Bem que foi ao ar pela Rádio Conceição Fm 105,9 no dia 24 de  junho de 2014

Criança em cadeira de rodas troca viagem ao Brasil pela Copa do Mundo por uma visita ao Papa em Roma

Deixe um comentário

005Um menino boliviano de 12 anos, que desde os oito sofre de uma enfermidade que diminui as funções de seu corpo e que já foi submetido a vários procedimentos cirúrgicos, entre eles um transplante de medula, preferiu trocar uma viagem ao Mundial no Brasil para ir à Itália e conhecer o Papa Francisco.
O pequeno Cristofer quem por sua condição física se locomove em cadeira de rodas, participou na segunda-feira passada, dia 23 de junho, na Missa matutina que o Santo Padre celebra na Capela da Casa Santa Marta.
Ao finalizar a Missa, o menino quem estava acompanhado de seus pais e seu irmão, tiveram um encontro com o Pontífice que o abençoou e recebeu o presente que o próprio Cristofer escolheu para dar: uma bola de futebol do Clube Bolívar que pela classificação para a Copa Libertadores enfrentará no próximo mês o São Lorenzo, o time do Papa argentino.
A iniciativa de visitar santo Padre foi uma surpresa para sua família e para a Fundação americana que há alguns anos ajuda o pequeno em seu tratamento e que o levou aos Estados Unidos para submeter-se às intervenções cirúrgicas.
Esta Fundação como motivação e com a ajuda de seus doadores, deram ao pequeno Cristofer uma viagem ao exterior com duas opções: um passeio pela Disneyworld ou ir a uma partida da Copa do Mundo no Brasil, segundo informou o Bispo Ordinário Militar da Bolívia, Dom Oscar Aparicio, no programa radial “Falando com fé” do núcleo Iglesia Viva, o Sistema de Informação da Igreja Católica na Bolívia.
Dom Aparício narrou que teve dificuldade de entender o que havia decidido Cristofer devido às suas dificuldades para comunicar-se. O menino disse que não queria nenhum dos dois roteiros, mas sim, queria a Itália. Mais tarde, conheceu-se o motivo: a criança queria conhecer o Papa Francisco.
“Foi um golpe emocionante – expressou o Bispo e acrescentou – isso é para nós uma mostra de fé, de fidelidade, de apreciação à Igreja, ao ministério Petrino, foi muito lindo”.
Através da Nunciatura Apostólica na Bolívia,  o Núncio Dom Giambattista Diquatro, conseguir que Cristofer visitasse Sua Santidade.
O Papa Francisco escutou a mensagem que os fiéis da Catedral Militar em La Paz pediram que o menino transmitisse ao Pontífice: “Sua Santidade a Bolívia reza pelo Papa”, após a qual o Pontífice respondeu: “Eu o necessito”.

Fonte: http://www.acidigital.com

Papa Francisco volta a fazer apelo pelo Iraque

Deixe um comentário

01Francisco reiterou novamente que o diálogo é o único caminho para a paz.
Após o Angelus deste domingo, 29, Papa Francisco voltou a manifestar sua preocupação com a situação no Iraque. Ele destacou que são dolorosas as notícias que chegam do país, motivo pelo qual ele lançou um novo apelo em prol do Iraque.
“Uno-me aos bispos do país em fazer apelo aos governantes para que, através do diálogo, se possa preservar a unidade nacional e evitar a guerra. Estou próximo às milhares de famílias, especialmente cristãs, que precisaram deixar suas casas e que estão em grave perigo. A violência gera outra violência; o diálogo é o único caminho para a paz”.
Francisco convidou os fiéis a rezarem à Nossa Senhora pedindo proteção para os iraquianos. Ele concluiu, então, o apelo rezando uma Ave Maria.

Fonte: http://www.cancaonova.com

Reis da Espanha, Felipe e Letizia, com o Papa no Vaticano

Deixe um comentário

003Cidade do Vaticano (RV) – Cumprindo a tradição dos reis da Espanha de visitar a Santa Sé no início de seu reinado e serem recebidos pelo Pontífice, Felipe VI e a rainha Letizia estiveram na manhã desta segunda-feira no Vaticano, e se encontraram com Francisco.
Não foi o primeiro encontro com Francisco: em 19 de março de 2013, o então Príncipe das Astúrias e sua consorte vieram ao Vaticano para participar da missa solene de início de Pontificado. Aquela foi a primeira vez que Felipe liderou a delegação na posse de um Papa.
Já em 28 de junho de 2004, os Príncipes estiveram no Vaticano, um mês depois de seu casamento, para receber a benção de João Paulo II, respeitando também uma tradição da Casa Real espanhola.
Posteriormente, em 1º de maio de 2011, o herdeiro da Coroa e sua esposa Letizia participaram no Vaticano da cerimônia de beatificação de João Paulo II, ocasião em que foram recebidos por Bento XVI. Naturalmente, Felipe e Letizia acompanharam Bento XVI nas três visitas que realizou à Espanha em 2006, 2010 e 2011.

Fonte: http://www.radiovaticana.va

O ex-núncio Wesolowski é expulso do sacerdócio

Deixe um comentário

002A primeira instância do processo canônico contra o ex-núncio apostólico na República Dominicana, dom Jozef Wesolowski, acusado de pedofilia, foi encerrada na Congregação para a Doutrina da Fé com uma sentença de condenação à expulsão do estado clerical.
A informação, veiculada hoje, é do escritório de imprensa da Santa Sé: “O acusado dispõe, desde este momento, de dois meses para um eventual recurso. O procedimento penal perante os organismos judiciários vaticanos continuará tão logo a sentença canônica seja declarada definitiva”.
A propósito de algumas notícias publicadas recentemente na mídia, o comunicado afirma que “é necessário precisar que, até agora, dom Wesolowski vinha desfrutando de uma relativa liberdade de movimentos enquanto aguardava que a Congregação para a Doutrina da Fé verificasse o fundamento das acusações formuladas contra a sua pessoa”.
“Levando em conta a sentença pronunciada por este dicastério, serão adotados para com o núncio todos os procedimentos adequados à gravidade do caso”, encerra o comunicado.
O cardeal e arcebispo de Santo Domingo, dom Nicolás de Jesús López Rodríguez, declarou hoje que a expulsão do ex-núncio Josef Wesolowski do sacerdócio é uma resposta a todos aqueles que “disseram leviandades” sobre a Igreja com base no erro de uma pessoa, informou a agência EFE.

Fonte: http://www.zenit.org

Papa entrega pálio a dois arcebispos brasileiros

Deixe um comentário

001Ontem, 29, solenidade dos apóstolos Pedro e Paulo, o papa Francisco presidiu missa com imposição do Pálio a 24 novos arcebispos, entres eles os brasileiros dom Jaime Spengler, de Porto Alegre (RS), e dom José Luiz Majella Delgado, de Pouso Alegre (MG). O Pálio é uma insígnia exclusiva dos arcebispos e do patriarca de Jerusalém do rito latino. Trata-se de uma estola feita de lã branca de cordeiro, com seis cruzes e franjas pretas, que representa o poder que o arcebispo recebe na província eclesiástica.
Em sua homilia, o papa Francisco disse que “nos primeiros tempos do serviço de Pedro, na comunidade cristã de Jerusalém havia grande apreensão por causa das perseguições de Herodes contra alguns membros da Igreja”. Francisco recordou a morte de Tiago e a prisão de Pedro. “Estava este guardado e acorrentado na prisão, quando ouve a voz do Anjo que lhe diz: ‘Ergue-te depressa! (…) Põe o cinto e calça as sandálias (…) Cobre-te com a capa e segue-me’”, citou. Segundo Francisco, Pedro percebe que Deus o libertou do medo das cadeias.
Para Francisco, o testemunho de Pedro lembra que o verdadeiro refúgio é a confiança em Deus. “Esta afasta todo o medo e torna-nos livres de toda a escravidão e de qualquer tentação mundana. Hoje nós – bispos de Roma e os outros bispos, especialmente os metropolitanos que receberam o Pálio – sentimos que o exemplo de São Pedro nos desafia a verificar a nossa confiança no Senhor”, disse.
De acordo com o papa, “Pedro experimentou que a fidelidade de Deus é maior do que as nossas infidelidades, e mais forte do que as nossas negações”.
“A fidelidade que Deus, sem cessar, nos confirma também a nós, Pastores, independentemente dos nosso méritos, é a fonte de nossa confiança e da nossa paz. A fidelidade do Senhor para conosco mantém sempre aceso em nós o desejo de O servir e de servir os irmãos na caridade”, acrescentou.

Fonte: http://www.cnbb.org.br

Evangelho – Mt 8,18-22

Deixe um comentário

Evangelho+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus
Naquele tempo:
Vendo uma multidão ao seu redor, Jesus mandou passar para a outra margem do lago. Então um mestre da Lei aproximou-se e disse: ‘Mestre, eu te seguirei aonde quer que tu vás.’ Jesus lhe respondeu: ‘As raposas têm suas tocas e as aves dos céus têm seus ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça.’ Um outro dos discípulos disse a Jesus: ‘Senhor, permite-me que primeiro eu vá sepultar meu pai.’ Mas Jesus lhe respondeu: ‘Segue-me, e deixa que os mortos sepultem os seus mortos.’

Palavra da Salvação

Older Entries